top of page
  • Foto do escritorNilmar Silva

"Ideologia de Gênero": isso existe mesmo?

Como uma das falácias mais populares atualmente no Brasil, disseminada e usada inclusive no campo político, a “ideologia de gênero” se trata de uma argumentação moralista, geralmente ancorada no fundamentalismo religioso. Trata-se de uma tentativa de induzir a população à ideia de que a discussão sobre gênero e sexualidade levaria alguém, sobretudo as crianças, a “mudarem” o seu gênero e a sua orientação sexual por causa da imposição de alguém, de que haveria uma “doutrinação”.

Na verdade, a doutrinação que existe é aquela que desrespeita as escolhas e as (des)identificações das pessoas, fazendo com que milhões de LGBTQIA+ pelo mundo afora se sintam anormais por serem homoafetivas, trans ou travestis, ou por simplesmente não quererem rótulos (não-bináres, gender fluid, etc).


E aí? Você já tinha ouvido falar nessa baboseira de “ideologia de gênero”?




21 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page